Curriculum memorável

Currículo: como entregar nas empresas sem erros!

Aprenda a deixar seu currículo perfeito, impossível de ser ignorado.

Cadastre-se e pegue o seu e-book agora! É grátis.

Currículo é algo que ainda gera dúvida nas pessoas. Será que construí certo? Qual é a melhor forma de enviar? Essas e inúmeras questões surgem na hora de se candidatar à empresa. Provavelmente, você já ficou perdido sem saber por onde começar. Ou então, não soube como preencher de forma certa. 

Por fim, quando é convocado vem outro problema, a ansiedade. Na verdade, tudo não passa da falta de conhecimento. Isto é, sem informações adequadas, sentimos medo. Pois é normal a insegurança diante do desconhecido. 

Então, nesse artigo vamos mostrar o que precisa ser feito. Depois que entender o processo, a ansiedade desaparece. Vamos mostrar como enviar um currículo, e quais cuidados devemos ter. Confira!

Currículo: aprenda como enviar para a empresa!

Um currículo bem elaborado não ultrapassa de duas folhas. No entanto, antes disso é importante saber como enviar para a empresa. Quando estamos em busca de um emprego é importante atuar em diversos canais. Dessa forma, aumentam as chances de preencher uma vaga. 

1. Site da empresa

Uma boa opção para conseguir emprego é acessar o site da empresa que quer trabalhar. Principalmente, quando a organização é de grande porte. Já que ela tende a ter uma estrutura própria de recrutamento. Em geral, no menu você encontra um espaço para se cadastrar. Além da opção de enviar o currículo direto. No entanto, sempre atualize seus dados antes de enviar.

2. Consultorias de Recrutamento

As empresas de consultorias de recrutamento são ideais para se cadastrar. Isso porque elas trabalham com muitas empresas. Isto é, atuam com diversos segmentos. Então, depois que efetuar o cadastro, o perfil fica disponível para centenas de oportunidades.

3. Por indicação de alguém

Não esqueça de investir na indicação de vagas. Sem dúvida, elas são bem-vindas, pois servem de referência. Por essa razão, as empresas possuem programas de incentivo interno. 

Quando um funcionário recomenda um profissional é porque ele tende a se adaptar ao ambiente. Então, provavelmente ele preenche as exigências da vaga. Portanto, faça Networking e deixe que as pessoas saibam da sua necessidade. Inclusive, muitas pessoas conseguem emprego assim.

4. Redes sociais

Sem dúvida, o canal mais simples e prático para se candidatar são as redes sociais. Por isso, muitas empresas já investem na maioria das plataformas. Ou seja, eles usam estratégias de marketing digital para atrair candidatos. 

Dessa forma, os recrutadores recebem notificações sobre os perfis dos seguidores. Então, aproveite para mandar seu currículo num espaço qualquer disponível.

5. Sites de recrutamento 

Os portais de recrutamento, como o Vagas, estão entre as principais fontes de captação. Além disso, fazem parte da gestão de portfólio de várias instituições. Em geral, esses sites oferecem sistema avançado de gestão de candidatos. 

Logo, evita a lentidão do acesso ao portal. Além disso, garantem candidatos qualificados. Já os sites e as redes sociais não tem estrutura para suportar inúmeros cadastros.

Principais cuidados que você deve ter com seu currículo

Não importa qual canal de comunicação da empresa escolhemos. Para enviar um currículo é preciso formatar de modo profissional. Além disso, é importante ter uma escrita sem erros gramaticais. Inclusive, ordenar de forma correta. Por fim, ser objetivo e clareza das informações

Outro ponto é avaliar a vaga e alinhar ao currículo. Isto é, o candidato precisa fornecer dados que atendam os requisitos. Por exemplo, idiomas, formação e experiência. Além disso, personalize para cada vaga que se candidatar. Em suma, é importante priorizar informações e palavras-chaves.

Inclusive, reforce suas habilidades que a vaga considera como fundamental. Ou que considera um diferencial. Por fim, lembre-se que o recrutador avalia um currículo em até 7 segundos. Então seja claro e destaque o que interessa para o cargo. Aliás, preencha as palavras-chaves de acordo com o anúncio.

Evite entregar o currículo pessoalmente

Embora comparecer pessoalmente seja importante, não é uma prática comum. Portanto, adaptar-se à tecnologia é fundamental. Assim sendo, faça seu primeiro contato pelo site, redes sociais ou e-mail. Isto é, deixe o contato presencial para a entrevista.

Resumir demais sua experiência

Apesar do padrão de currículo ser 1 folha, não resuma demais. Então, recomendamos até 2 folhas. Desde que você descreva informações relevantes para a vaga. Em outras palavras, insira as últimas 3 experiências e capriche na descrição. Entretanto, nada de enrolação! 

Omitir informações

Construir um currículo é uma carta de vendas. Isto é, você precisa vender boas experiências. Além disso, é necessário apresentar informações interessantes para a vaga. Visto que um bom negócio é quando há vantagens para ambos os lados. Logo, as suas experiências e habilidades precisam agregar para a ocupar o cargo. 

Talvez, você já tenha tido momentos negativos. Por exemplo, demissão após o período de experiência. Em outras ocasiões, mudou de emprego muitas vezes. Sem dúvida, citar essas passagens só vai te prejudicar. Por isso, se prepare antes da entrevista. Tenha em mente que não será possível enganar, disfarçar ou evitar as perguntas. 

Provavelmente, o recrutador vai perguntar sobre a lacuna em seu currículo. Isto é, o que você fez durante os intervalos de 3 meses ou 2 anos. Caso haja muitas mudanças e exista um motivo plausível para esse comportamento, esclareça. Do contrário, é fundamental refletir sobre essa constância. Cedo ou tarde, isso pode ser prejudicial já que não é possível omitir tantas informações.

Desprezar sua formação

Antes de mais nada, saiba como descrever a formação acadêmica. Pois, o maior erro é disponibilizar dados incompletos. Então, mantenha a informação ou remova do currículo. Afinal, ele precisa ter clareza. Inclusive, um erro comum é incluir cursos livres no tópico errado. Por exemplo, incluir na “Formação Acadêmica”

Porém, precisa criar um novo campo chamado “Cursos e outras atividades”. Mas, vale reforçar que a quantidade não torna o currículo atraente. Por isso, inclua só dados importantes para a vaga.  Por fim, avaliar o que citamos no artigo vai ajudar a corrigir erros. Sem dúvida, ser assertivo vai atrair muitas entrevistas. Desse modo, identifique as falhas com base no conteúdo. Pois assim, sua situação vai mudar.

Por fim, use a criatividade e persuasão. Mas lembre-se que persuadir não significa mentir. Ao contrário, representa a arte de convencer com maestria. Seu currículo está pronto para as vagas disponíveis? Clique aqui e descubra.




O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *