Curriculum memorável

Como montar um currículo de sucesso: evite estes 10 erros

Aprenda a deixar seu currículo perfeito, impossível de ser ignorado.

Cadastre-se e pegue o seu e-book agora! É grátis.

Montar currículo profissional eficaz é preciso estratégia. Em outras palavras, deve saber exatamente como estruturá-lo.  Afinal, o mercado evoluiu e o foco também. Por isso, muitos candidatos cometem erros. Visto que eles se baseiam em regras obsoletas. Sem dúvida, acompanhar as exigências das empresas é o segredo para se destacar.

Cansou de enviar currículos, mas não ser chamado para a entrevista? Então, esse artigo é para você. Antes de achar que precisa ter experiência ou formação acadêmica leia este artigo. Provavelmente, desanimou e achou não ser bom o suficiente. No entanto, você só precisa fazer pequenas alterações no currículo. Visto que, os recrutadores eliminam documentos mal configurados. 

Mesmo porque, eles levam em média 7 segundos para ler o documento. Então, na realidade seu currículo tem menos de 10 segundos para atrair a atenção. Isto é, você precisa da informação exata que deve colocar. No entanto, não são apenas os dados corretos que deve considerar. Mas também, saber quais são os erros que a evitar.

Descubra os 10 principais erros na hora de montar currículo

Montar currículo para encantar o recrutador é simples. Para isso, aprenda a identificar erros comuns. Depois desta leitura, você sairá na frente da concorrência. Com certeza, receberá inúmeros convites de entrevista. Afinal, eliminar falhas tornará seu currículo imbatível. Confira a seguir os erros mais comuns! 

1. Falta de planejamento na hora de montar um currículo

Certamente você vai ter o currículo descartado se fizer o que todos fazem. Isto é, pegar modelo pronto dos amigos e familiares não é a melhor opção. Nem mesmo baixar currículos da internet é eficiente. A menos que você saiba exatamente como adaptar ao seu perfil. Além disso, como configurá-lo de forma adequada para a vaga. 

Contudo, para se destacar da concorrência tem que chamar a atenção. Embora pareça simples, é preciso planejar bem para criar um currículo. Porque muitos confundem com um simples formulário. Isto é, o segredo é dedicar horas para elaborar seu documento.

Além disso, eles gostam de candidatos que sabem das suas habilidades. Inclusive, que define suas competências com segurança. Em seguida, reflita sobre sua carreira. A partir de seu histórico profissional, metas e objetivos, elabore seu currículo.

Nesse momento, para otimizar o tempo, use modelos prontos ou de amigos. Então, imagine um plano para sua caminhada profissional. Em seguida, avalie se apos dados estão alinhadas. Principalmente, os objetivos e áreas de atuação. Pois muitos candidatos cometem falhas nesses tópicos.

2. Não considerar a vaga ou perfil da empresa

Quando você usa modelos prontos sem considerar a cultura da empresa, perde pontos. Por isso, analise os requisitos desejados e o clima organizacional. Para isso, pesquise o site da instituição. Dessa forma, você aprende sobre as missões, valores e visão. A partir disso, você pode identificar o perfil que a organização busca. 

Além disso, leia com atenção o anúncio. Por exemplo, 10 vagas para o cargo de Analista de Sistemas. Se ler a descrição vai notar que é similar, mas todos têm um diferencial. Isto é, tome cuidado para não generalizar as vagas. Nem mesmo enviar em massa, o mesmo modelo de currículo. 

Sem dúvida, essa estratégia não funciona muito. Portanto, identifique o que a empresa precisa. Em seguida, configure o currículo de acordo com essas necessidades. Desde que estejam alinhadas com suas experiências. 

Aliás, uma dica interessante é descobrir os princípios da empresa. Em seguida, avaliar qual deles têm a ver com os seus. Depois, expresse no currículo em formato de competências e habilidades. Por fim, personalize seu CV de acordo com o cargo. 

3. Fazer autoavaliação

Provavelmente, você já aprendeu a identificar as habilidades. Mas, mesmo sendo verdadeiras é o recrutador que vai avaliar. Por exemplo, boa comunicação. Nesse caso, fale de uma situação em que ela foi eficiente. Afinal, a famosa frase “contra fatos não há argumentos” é perfeita. 

Logo, para aumentar as chances de aprovação, apresente dados. Por exemplo, números, depoimentos no LinkedIn etc. Além disso, cite suas melhorias no processo. Por fim, comente a respeito do seu desempenho. Porém, se você nunca trabalhou, cite outros aprendizados. Por exemplo, morar sozinho, mudar de cidade, trabalhar como voluntário etc.

Isto é, fale como as experiências ajudaram no seu desenvolvimento. Mas, seja honesto nos relatos. Porque com base em resultados passados repetimos as mesmas ações. Razão essa que os recrutadores avaliam os fatos anteriores. Depois, configure seu LinkedIn igual ao currículo. Por fim peça depoimento dos colegas profissionais.

Veja também:

Quais os Desafios para Ingressar no Primeiro Emprego?

+ Saiba como se destacar em processos seletivos para o primeiro emprego

O que você não deve fazer no primeiro emprego

4. Ausência de objetivo

Antes de tudo, seja assertivo. Porque os recrutadores gostam de candidatos que planejam. Pois saber o que quer é fundamental. Afinal, um profissional sem planos perde a motivação. Além disso, tem dificuldade em lidar com frustrações. Portanto, não encontram soluções eficientes. Logo, impacta direto no desempenho.

Então, se tem seus objetivos exatos na mente, está no caminho certo. Do contrário, ficará submisso ao que está disponível no mercado. Portanto, qualquer emprego serve. Por isso, jamais coloque mais que 2 objetivos. Porque esse fator é crucial para reprovar. Aliás, o ideal é manter apenas 1 objetivo apenas.

5. Não ser direto

Desde já, evite encher o currículo de informações desnecessárias. Por fim, seja direto e compartilhe só o que interessa na vaga. Por exemplo, desenvolvedor de sistemas. Afinal, por que citar a experiência como cuidador de cães? Além disso, seu currículo deve ter até 2 folhas. Por essa razão, coloque apenas as 3 últimas experiências. 

6. Colocar informações desnecessárias

Sem dúvida, esse é um dos motivos para o currículo perder pontos. Em outras palavras, demonstra falta de foco. Por exemplo, cursos e palestras sem vínculo com a área. Aliás, incluir dados em excesso é outro fator. Então, não inclua o endereço completo, fotos, data de nascimento, dados do documento, etc. Além de perigoso, não é efetivo para uma entrevista. Por fim, evite a inclusão de fotos. A menos que a vaga solicite essa ação.

 

Baixe nosso e-book e faça um currículo de sucesso!

7. Esquecer dados para contato

Embora seja óbvio, os candidatos esquecem de incluir dados de contato. Então, coloque o e-mail e telefone no currículo. Afinal, é por esses canais que o recrutador vai agendar a entrevista.

8. Utilizar clichês

Enfim, evite incluir frases prontas sem contexto. Porque esse é um motivo para desclassificação. Pois o recrutador quer candidatos autênticos. Portanto, reproduzir expressões de efeito transmite falta de identidade profissional. Veja a seguir alguns exemplos.

  • pensar fora da caixa;
  • líder nato;
  • trabalhar em equipe;
  • dinâmico;
  • motivado;
  • proativo;
  • etc.

A menos que possa agregar, cite as habilidades. Isto é, comente sobre as ações e conquistas. Portanto, diga menos sobre si e mostre mais.

9. Não revisar o currículo

Por fim, erros gramaticais e de digitação prejudicam o currículo. Porque transmite desleixo. Além disso, fique atento à estrutura do documento. Afinal, é preciso coerência e coesão para montar seu histórico profissional. Do contrário, vai parecer que o candidato está perdido. Portanto, solicite ajuda de um amigo. Ou então, contrate um revisor.

10. Mentir

Talvez, você mesmo já tenha feito isso. Ou então, pensou em aumentar o nível de conhecimento do idioma. Além de ser antiético, terá que provar seus conhecimentos na prática. Por consequência, será reprovado e não excluído de outros processos seletivos.

Sem dúvida, montar um currículo é simples. Porém, é preciso estratégia e clareza do que busca. Quer se destacar mais? Melhore o seu currículo e tenha mais chances de conseguir um emprego.




O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *